Quatro jogos muito equilibrados apesar da diferença de equipas
Os quartos-de-final não trouxeram surpresas, nos três jogos entre equipas de diferente escalão a que melhor comportamento teve das equipas da Divisão inferior foi o Vila Futsal C. da 2ª Divisão Distrital.
Vila Futsal C. diante o C. Académico Sangemil, terceiro classificado da Divisão D’Elite, só sucumbiu nos instantes finais da partida, muito por culpa da falta frescura física da equipa de três divisões abaixo da Elite.

Nos jogos entre equipas da 1ª Divisão e equipas da Divisão D’Elite a diferença de resultado de dois golos foi igual nos dois encontros, com o Labruge diante o Viso que ainda teve a vencer e Susanenses diante o Lousada que segurou o nulo até à segunda parte.
No jogo entre duas equipas da Divisão de Honra o Bom Pastor foi a Santo Tirso, vencer o Negrelos pela diferença mínima.

JOGO: Vila Futsal C. Vs C. Académico Sangemil:
Competição: Taça Distrital Sénior AF Porto
Data e Hora: 14/04/2017 pelas 20h00
Pavilhão: Complexo Desportivo da AD Labruge – Vila do Conde
Árbitros: Carlos Alves e Bruno Monteiro
Resultado ao intervalo: 2-2
Resultado Final: 4-5
Marcha do marcador: 1-0 Paulo Pires (1’); 1-1 João Sousa (9’); 2-1 António Sousa (10’); 2-2 Miguel Rodrigues (12’); 3-2 António Sousa (26’); 4-2 Eduardo Graça (33’); 4-3 Telmo Ferreira (38’); 4-4 Daniel Rodrigues (46’) e 4-5 Ricardo Oliveira (48’).

VILA FUTSAL C. (2ª Divisão Distrital)
Cinco Inicial: [20] Eduardo Graça (gr); [4] Paulo Pires, [7] Ruben Ribeiro, [8] Nuno Flosa e [13] João Neto.
Substitutos: [2] Tiago Ferreira, [3] Tiago Neiva, [5] Pedro Campos, [6] Pedro Guimarães, [9] Diogo Rodrigues e [10] António Sousa.
Treinador: Ricardo Antunes (Adjunto)
C. ACADÉMICO SANGEMIL (Divisão D’Elite)
Cinco Inicial: [1] Rui Valente (gr); [7] Daniel Rodrigues, [9] João Sousa, [13] Nuno Silva e [14] Sá Pereira.
Substitutos: [23] Telmo Ferreira (gr) [5] António Mota, [9] João Sousa, [10] André Rodrigues, [12] Miguel Rodrigues, [16] Ricardo Oliveira, [77] Pedro Teixeira e [78] Bruno Santos.
Treinador: José Fernandes.

No primeiro jogo da noite o Vila Futsal C., recebeu o C. Académico Sangemil, e iniciam o jogo a vencer com golo de Paulo Pires que infelizmente não temos imagens por não conseguirmos chegar a tempo do início do encontro. Uma entrada que desorientou um pouco os maiatos e apesar de quererem virar o resultado os vila-condenses mostraram-se aguerridos e a defender bem e saindo para o contra ataque com relativo perigo.
Sangemil chega ao empate aos nove minutos por intermédio de João Sousa e nos dois minutos seguintes, mais dois golos, António Sousa coloca novamente a equipa da casa em vantagem e na resposta Miguel Rodrigues empata novamente a partida e o resultado da primeira parte foi feito em onze minutos, até ao intervalo as duas equipas tentaram o golo mas o resultado não mais se alterou.
A segunda parte iniciou como a primeira, com um golo madrugador do Vila FC com António Sousa a bisar e a colocar pela terceira vez o clube da divisão inferior em vantagem, já como Sangemil a jogar com o guarda-redes na posição avançada como Telmo Ferreira a sair da baliza para essa posição, sofrem o quarto golo após um remate de Telmo Ferreira interceptado a bola sobra para o guarda-redes Eduardo Graça que de baliza a baliza coloca a sua equipa a vencer por dois golos de diferença.
Ainda restava muito tempo para terminar a partida, pois apenas ainda estavam jogados oito minutos na segunda parte e a equipa de José Rodrigues continuou a apostar no guarda-redes na posição avançada e cinco minutos depois na cobrança de uma penalidade cometida sobre Sá Pereira, Telmo Ferreira vingou-se do golo sofrido do guarda-redes contrário e reduziu a diferença para apenas um golo.
O Vila após o golo esteve a jogar em superioridade numérica por expulsão de Nuno Silva que vira o segundo amarelo ou pouco espaço de tempo, mas não conseguiram materializar essa superioridade em golo e a quatro do final da partida o Sangemil chega novamente ao empate por intermédio de Daniel Rodrigues, numa altura que a frescura física da equipa da casa já dava alguma amostras de cansaço devido à intensidade de jogo que os maiatos imprimiam e por isso mesmo o golo que colocava pela primeira vez o Sangemil em vantagem apareceu a dois minutos do final da partida por intermédio de Ricardo Oliveira.
Até ao final os comandados de Ricardo Antunes, treinado adjunto de Pedro Santos que por se encontrar a cumprir castigo estava na bancada, ainda tentaram chegar ao empate, mas o tempo já não era muito e o cansaço de alguns elementos não ajudou a isso. Vitória que se ajusta num jogo que a equipa da casa demonstrou qualidade para outros campeonatos.


JOGO: AD Labruge Vs GD Viso:
Competição: Taça Distrital Sénior AF Porto
Data e Hora: 14/04/2017 pelas 21h30
Pavilhão: Complexo Desportivo da AD Labruge – Vila do Conde
Árbitros: Leandro Rocha e José Oliveira
Resultado ao intervalo: 1-0
Resultado Final: 1-3
Marcha do marcador: 1-0 Pedro Amorim (9’); 1-1 Kukes (29’); 1-2 José Fernandes (39’) e 1-3 João Lopes (46’).
AD LABRUGE (1ª Divisão Distrital)
Cinco Inicial: [12] João Vieira (gr); [3] Pedro Amorim, [5] Nuno Barbosa, [10] Ricardo Oliveira e [11] Paulo Campos.
Substitutos: [1] Gabriel Assunção (gr), [6] Rui Martins, [8] Eduardo Silva, [9] João Rocha e [14] Carlos Carneiro.
Treinador: Vítor Domingos
GD VISO (Divisão D’Elite)
Cinco Inicial: [22] Paulo Martins (gr); [2] Bruno Pereira, [7] Fábio Pereira, [10] Márcio Pinto e [11] Nuno Boulhosa.
Substitutos: [1] Carlos Fonseca (gr) [8] Carlos Rego, [9] João Lopes, [13] Ricardo Cabral, [17] José Fernandes e [40] Kukes.
Treinador: José Oliveira.

Depois do jogo entre o Vila e Sangemil mantivemo-nos por Labruge e vimos um outro jogo a contar para a Taça AF Porto, entre a equipa da casa e o líder do Campeonato da Elite, e os portuenses entraram no jogo a pressionar no entanto no outro lado estava uma equipa que desferia contra ataques rápidos colocando Paulo Martins de sobreaviso e chegaram à vantagem à passagem do oitavo minuto por intermédio de Pedro Amorim após um roubo de bola ainda na sua intermediaria.
Após o golo sofrido os visitantes intensificaram o seu jogo, mas apanharam um obstáculo intransponível de seu nome João Vieira, que foi adiando o golo dos visitados e dando confiança à sua equipa e foi assim com que se chegou ao intervalo.
A segunda parte começou com um Viso ainda mais mandão e não deixava os visitados contra atacar e com quatro minutos jogados numa reposição de bola da linha lateral apanhou a equipa do Labruge distraída (também nós estávamos, pois não acompanhamos a bola a entrar na baliza) deixaram Kukes liberto de marcação e aos doze metros desferiu um potente remate que só parou nas malhas interiores da baliza de João Vieira.
O mais difícil estava feito, faltava dar continuidade ao que estavam a fazer pois era cada vez mais difícil ao Labruge chegar à baliza de Paulo Martins, mas a reviravolta no marcador apenas aconteceu dez minutos depois do golo do empate e Foi José Fernandes.
Em desvantagem os vila-condenses reagiram como puderam e tentaram chegar à igualdade mas não estava fácil, pois ao subirem as linhas ficavam à mercê de melhor frescura física dos pupilos de José Oliveira e a abono da verdade embora o Labruge melhorasse a posse de bola não criava grande perigo e a quatro minutos do final da partida, após um roubo de bola na sua intermediária disferem um contra ataque rápido onde apanham a equipa da casa em contra pé e João Lopes faz o golo que deu alguma tranquilidade aos portuenses, lance que foi contestado pela equipa da casa por considerarem ter havido falta no momento do roubo de bola.
Até ao Final Pulo Martins impediu por uma vez que o Labruge reduzisse, mas o Viso também poderia dilatar a vantagem.
Vitória justa da equipa que era favorita e o Labruge deu uma imagem que poderia estar melhor no campeonato da 1ª Divisão Série 1, melhor do que está.


JOGO: FC Estrelas Susanenses Vs AD Lousada/Meinedo:
Competição: Taça Distrital Sénior AF Porto
Data e Hora: 14/04/2017 pelas 21h30
Pavilhão: Municipal de Sobrado - Valongo
Árbitros: Hugo Ferreira e José Lopes
Resultado ao intervalo: 0-0
Resultado Final: 0-2
Golos: Sokota e Carlitos



JOGO: AR Negrelos Vs NDB Bom Pastor:
Competição: Taça Distrital Sénior AF Porto
Data e Hora: 14/04/2017 pelas 21h45
Pavilhão: Escola S. Tomé de Negrelos – Santo Tirso
Árbitros: Filipe Cerqueira e Valter Freitas
Resultado ao intervalo: 0-1
Resultado Final: 1-2
Marcha do marcador: 0-1; 0-2 e 1-2.
Golos: Isac e Renato pelo Bom Pastor.





Não possuí direitos para inserir comentários

Futsal Porto Distrital

Copyright © 2016. All Rights Reserved.