Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Adeptos de ambas formações agrediram-se na bancada
No melhor pano caem as nódoas e duas instituições reconhecidas pela excelência da forma de como trabalham a formação, não mereciam um desfecho destes.

Tinha acabado de iniciar a segunda parte entre o ADCR Caxinas e Boavista FC a contar para a terceira jornada do Campeonato Júnior “C” Divisão De Elite Série 1, para a 3ª Jornada da 2ª Fase de acesso à 3ª Fase de Campeão, e num jogo onde o resultado estava desequilibrado a favor da equipa da casa (4-0), quando a as duas massas adeptas entraram em confrontos mútuos que fez com que diversos atletas tentassem ir para as bancadas em socorro dos seus familiares, no entanto foram impedidos pelos treinadores e delegados em campo.
Perante esta situação e mesmo com reforço de três elementos de uma empresa de segurança e mais dois delegados de apoio e após os ânimos serenarem a dupla de árbitro considerou que não estavam reunidas as condições de segurança para continuar o jogo que fora interrompido.
Será mais um caso a resolver pelo contencioso da AF Porto, no entanto o jogo deverá ser realizado os minutos em falta, e terá de ser breve já que é uma segunda fase muito curta e faltam apenas jogar três jornadas, mas os clubes não deverão escapar a outro tipo de sanções.
Presidente do ADCR Caxinas refuta violência entre adeptos