Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Apresentação dos Escalões Juniores A Feminino e Juniores C
Dois dos escalões que entram esta semana em competição, na Associação Recreativa “Os Restauradores do Brás Oleiro”, são as Juniores A Feminino e os Juniores C.

A equipa das Juniores começam a competição em casa, frente à Juventus da Triana FC, enquanto os Iniciados vão jogar a casa do F.C. S. Romão.
Começando pelo escalão feminino, a composição do plantel é a seguinte:
Guarda Redes: Mariana Pereira (renovação), Rafa (renovação), Bárbara (ex-CDC Santana);
Fixos: Renata Teixeira (J.D. Gondomar), Carolina Moura (renovação);
Universais: Joana Reis (renovação), Jéssica (CDC Santana);
Alas: Cristiana Moreira (sem clube), Daniela Filipa (ex-J.D. Gondomar), Flávia (renovação), Íris Torres (ex-Fut11), Maria Alves (renovação), Mariana Carvalho (renovação);
Alas/Pivôs: Filipa Teixeira (renovação);
Pivôs: Érica Tavares (renovação), Ana Coelho (renovação);
A Equipa Técnica é composta pelo Treinador Principal José Alberto Vicente e pelo Treinador Adjunto/Delegado Nuno Ribeiro
O treinador José Alberto Vicente começa por explicar que houve “imensas saídas no final da época anterior, tivemos que reformular o nosso plantel. Felizmente tivemos algumas entradas que nos permitiram formar um bom grupo. Apesar de cerca de metade da equipa ser nova e ainda terem de assimilar as bases do jogo, temos vindo a evoluir aos poucos o nosso conceito de jogo.” Ainda sobre o plantel, o treinador considera que “a mais-valia desta equipa é a união de grupo existente e a boa disposição. Temos atletas em franca evolução e que apenas precisam de ter mais ambição e uma consistência exibicional.
Quanto aos sinais dados na pré época, José Alberto Vicente considera que “os jogos de pré época já realizados serviram para testar e assimilar os nossos processos de jogo e para a ambientação das atletas novas. Tivemos bons momentos de Futsal, mas ainda há aspetos a melhorar e corrigir.
Sobre a época que agora vai começar, o treinador da ARRBO indica que “as expetativas para esta época são de encarar a competição jogo a jogo, com a perspetiva de lutarmos pelo resultado em disputa. Este tem que ser o nosso objetivo.

Já no escalão de Juniores C, que vai disputar a Divisão de Honra, a composição do plantel está escalonada da seguinte forma:
Guarda Redes: Francisco “Casillas” (renovação), Paulo (sem clube), Gonçalo Oliveira (ex-ADC Teibas);
Fixos: Pedro Almeida (renovação), Rodrigo (renovação), Gonçalo Copek (renovação);
Fixos/Alas: Gonçalo Loureiro (renovação), Gonçalo Queiroz (renovação), Antunes (renovação), Edu (renovação);
Alas: João Diogo (renovação), Francisco Eugénio (renovação), Bruninho (renovação), Tomás Carvalho (sem clube), Tomás Fonseca (renovação);
Alas/Pivôs: Henrique Afonso (renovação), Martim Capas (renovação);
Pivôs: João Monteiro (renovação), Gonçalo Ribeiro (renovação), João Pedro (sem clube), Afonso Loureiro (sem clube);
A Equipa Técnica é composta pelo Treinador Principal João Martins e pelos Treinadores Adjuntos Paulo Coelho e José Almeida.
A equipa técnica é nova neste escalão e dois dos seus membros fazem, aliás, a sua estreia nestas andanças. João Martins e Paulo Coelho são atletas seniores dos Restauradores e deram a sua opinião sobre esta experiência. João Martins, o treinador principal, considera que “está a ser uma experiência muito boa, não esperava que fosse gostar tanto de treinar estes rapazes. Têm sido incansáveis e muito importantes nesta nossa adaptação a este novo desafio que nos surgiu. É um privilégio poder trabalhar com eles e podermos ensinar e transmitir tudo o que nos ensinaram e continuam a ensinar.” Paulo Coelho concorda e acrescenta que está a ser especial “poder acompanhar o crescimento dos nossos meninos, que têm muito para oferecer aos Restauradores.
Em relação a dificuldades que encontraram neste desafio, Paulo Coelho refere que “encontraram para já algumas dificuldades com o facto destes meninos nunca terem aprendido as bases do Futsal. Muitos ainda não conhecem as movimentações base ou até uma simples receção de sola. Algo que com o tempo irá mudar.” João Martins concorda mas acrescenta que “temos a sorte de ter estes rapazes como nossos atletas, têm uma grande vontade de aprender e torna-se mais fácil para nós. Temos notado uma nítida evolução do plantel, a cada semana que passa estamos mais preparados para o início da competição.
A pré época correu de forma positiva. João Martins indica que “conseguimos ver coisas muito positivas, e algumas coisas menos boas também, mas o objetivo principal foi sempre atingido: criar rotinas de jogo para chegarmos ao campeonato e conseguirmos ser uma equipa competitiva e séria.” Paulo Coelho também concorda com a “evolução considerável desde o primeiro treino, já não vemos só a baliza e nem jogamos à bola como se fossemos um grupo de amigos.
 Quanto a expetativas, João Martins e Paulo Coelho referem que pretendem ter “uma equipa muito competitiva que consiga praticar um bom Futsal”. Objetivos mais altos não serão descartados.

Futsal Porto Distrital

Copyright © 2016. All Rights Reserved.