Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Bastou um golo e um Cesário para o SC Arcozelo ser campeão
Um golo de Ricardo Correia ao dez minutos foi o bastante para dar vantagem aos gaienses e assim conquistar pela primeira vez um título Distrital para o Sporting C. Arcozelo.

Não foi um grande jogo, mas foi muito tático e as equipas encaixaram-se bem com o sistema defensivo a superiorizar-se ao atacante, num jogo muito jogado entre as áreas e com poucas oportunidades de golo embora houvesse bolas retiradas em cima da linha de golo e outras esbarraram nos postes de qualquer uma equipa.
O SC Arcozelo entrou melhor e Ricardo Correia foi o primeiro a incomodar o guarda-redes gondomarense de seu nome Chinês, que defende para a linha de baliza, no lado oposto é Cris a obrigar Cesário a fazer o mesmo que Chinês fez.
O Arcozelo entrou com as linhas subidas e Ricardo Correia à entrada da área rouba a bola a André Sousa mas Chinês fez a mancha e travou o remate do atleta gaiense.
Pouco depois numa só jogada três remates à baliza de Chinês e o primeiro e o terceiro são parados pelo guarda-redes areiense e o segundo remate é André Sousa que dá o corpo ao manifesto.
Depois de alguma pressão gaiense os gondomarenses obtêm um livre junta da área contrária com André Dias a tentar surpreender Cesário mas este mostrou-se atento.
Aos dez minutos bonita jogada de envolvência gaiense com Ricardo Correia aos seis metros a rematar na passada e a bater Chinês. Estava feito o único golo da partida mas não faltaram oportunidades para uma e outra equipa terem oportunidades claras de golo.
A Urbanização Areias respondeu bem ao golo sofrido e Morientes descaído na esquerda remata ao poste da baliza de Cesário perdendo assim uma excelente possibilidade de empatar a partida.
Pouco depois e por mais uma por intermédio de Ricardo Correia, consegue trabalhar bem junto da linha de baliza e remata em jeito com a bola a passar por Chinês, mas Lourenço em cima da linha de golo retirou a bola, fazendo a mesma ainda bater o poste e sair para o interior do campo.
As equipas tentavam chegar ao golo e ambas procuravam o remate de longe o que era fácil no entanto num remate rasteiro cruzado de André Sousa quase engana Cesário, mas este ainda reagiu a tempo e seria este o último remate com perigo na primeira parte.
A segunda parte começou praticamente com um remate ao poste da baliza de Chinês por intermédio de Pedro Silva, a bola embateu quase no mesmo local que o remate efectuado por Morientes na primeira parte.
A pressão do Areias começou a sentir-se e no interior da área com um desvio de bola Filipão envia a bola ao poste da baliza de Cesário, já antes o guarda-redes gaiense já tinha sido chamado a intervir e pouco depois volto a entrar em acção.
Depois de alguma pressão na sua área o Arcozelo podia ter obtido o segundo quando Ricardo Correia frente a frente com Chinês permite a defesa deste.
Pouco depois um passe que foi considerado pela equipa de arbitragem leva o Areias à linha da área dos gaienses e na sequência do livre indirecto Lourenço remata com a bola a ultrapassar Cesário mas em cima da linha de golo estava Renato Coelho que evitou um golo certo dos gondomarenses.
A partir daqui o guarda-redes gaiense passou a ser chamado mais vezes a interver e numa só jogada trava dois remates de Morientes que foram feitos aos sete e seis metros.
Volta a estar em evidência ao travar um remate de Figo aos dez metros, esteve em grande e dava a confiança necessária à sua equipa, e do outro lado Chinês embora menos interventivo dizia presente num duelo com Ricardo Correia que durou toda a partida.
Nos cinco minutos finais o treinador Paulo Santos optou pelo guarda-redes avançado com Morientes nessa posição, mas a primeira oportunidade pertenceria ao Arcozelo com Ricardo Correia trinta metros da baliza contrária a falhar a mesma por centímetros.
Este foi o último lance de perigo gaiense que teve de sofrer para aguentar o 5x4 do Areias, e mais uma vez Cesário a afirmar-se cada vez mais o melhor jogador em campo com Cris a ter na mesma jogada duas oportunidades para facturar e por duas vezes o guarda-redes gaiense a negar-lhe a pretensão e quando não era ele era um seu colega de equipa no caso de Seixas que ofereceu a cabeça à bola para a desviar pela linha de baliza.
Este jogo tem de se dividir em duas parte, os primeiros trinta minutos onde o Arcozelo foi mais equipa onde teve as melhores oportunidade e os últimos vinte minutos onde o Areias teve oportunidades suficiente para empatar a partida e levar a mesma para os pontapés da marca da penalidade, mas que no fundo havia um jogador que não merecia tal desfecho por ter enchido a sua baliza e não ter permitido o golo dos gondomarenses e a ser atribuído o prémio do melhor em campo, esse sem dúvida seria para Cesário Silva, guarda-redes gaiense, que o dividimos com Ricardo Correia que foi o autor do único golo da partida.
Fique com o resumo alargado da final e as declarações de Jorge Alves, treinador do SC Arcozelo e do director Sidónio Almeida:

FICHA DE JOGO:
JOGO: Sporting C. Arcozelo Vs ADCM Urbanização Areias:
Prova: Campeonato Distrital AF Porto Sénior 1ª Divisão – Final

Data e Hora: 09/06/2018 pelas 18h30
Local: Municipal da Maia – Vermoim - Maia
Árbitros: Paulo Rocha e Miguel Damas
Resultado ao Intervalo: 1-0
Resultado Final: 1-0
Marcha do marcador: 1-0.

SPORTING C. ARCOZELO:
[1] Nuno Pereira (gr); [3] Sérgio Conde; [4] João Gavina; [5] Ricardo Gomes; [6] Renato Coelho; [7] Vasco Dinis; [8] Bruno Soares (c); [9] Diogo Silva; [10] Pedro Silva; [12] Fernando Seixas [13] Ricardo Correia e [23] Cesário Silva (gr).

Marcadores: [1-0] Ricardo Correia (10’);
Treinador: Jorge Alves
Treinador-Adjunto: Pedro Cunha
Delegados: Sidónio Almeida

ADCM URBANIZAÇÃO AREIAS:
[24] Chinês (gr); [3] Nuno Sá; [5] Lourenço; [6] André Sousa; [7] Filipão; [8] Cris; [9] Figo; [10] Morientes; [14] Nuno Teles; [15] Mancha; [29] Sérgio Ribeiro (c) e [34] Fábio Silva (gr).
Marcadores: --
Treinador: Alexandre Santos

Treinador-Adjunto: Paulo Paz
Delegados: Armando Santos
Fisioterapeuta: Ana Silva

Não possuí direitos para inserir comentários

Futsal Porto Distrital

Copyright © 2016. All Rights Reserved.