Clubes ainda podem recorrer
Em causa está os desacatos ocorridos à quase um ano, após o jogo entre Os Amigos Abeira Douro e FC Unidos Pinheirense a 31/10/2015 a contar para a 6.ª Jornada da 1.ª Fase do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Série "B", entre adeptos do clube da casa e jogadores do clube valboense, embora não fosse possível ao Conselho de Disciplina da FPF apurar nomes dos envolvidos.

Apenas para referir que os desacatos entre adeptos da equipa da casa e a comitiva do FC Unidos Pinheirense, decorreu nas imediações do Pavilhão.
O CD da FPF, decidiu sancionar os dois clubes com realização de dois jogos à porta fechada e ainda uma multa que se fixou em 179,00€, no entanto esta decisão é passível de recurso e estamos a aguardar se os clubes irão interpor o recurso ou aceitar a decisão do Conselho de disciplina da FPF.
A punição aos dois clubes teve em conta segundo os factos apurados, o Artigo 189.1 (RD FPF) e na punição ao FCU Pinheirense ainda constava mais um artigo que não foi aplicado ao clube da casa, que foi a envolvência de jogadores no descato (Art. 63.1 RD FPF), mas apesar disso a punição foi de modo igual aplicada aos dois clubes.
Como é sabido o FC Unidos Pinheirense joga no Campeonato Nacional da 1.ª Divisão vulgo Liga Sport Zone e caso não recorra, poderá vir a cumprir os jogos à porta fechada diante o CS S. João/Urgicentro Sanfil a contar para a quarta jornada e na sexta jornada diante o CDR “Os Vinhais”, já a A. Amigos Abeira Douro que milita na 2.ª Divisão Nacional Série “B”, caso também não recorra, poderá cumprir os dois jogos à porta fechada diante a AR Freixieiro a contar para a sexta jornada e com a USC Paredes na oitava jornada.
Os clubes podem recorrer das decisões do Conselho de Disciplina para o Conselho de Justiça da FPF e terão de o fazer em cinco dias úteis.

Artigos utlizados  do Regulamento de Disciplina da FPF para punir os clubes:
Artigo 63.º Alterações de ordem e disciplina
1. É aplicável o disposto no capitulo relativo às infrações dos espectadores, com as necessárias adaptações, aos danos e à alteração da ordem e da disciplina provocadas por jogadores, representantes, dirigentes, outros agentes desportivos vinculados ao clube, bem como aos seus colaboradores e funcionários, desde que ocorram dentro do perímetro dos limites exteriores do complexo desportivo antes, durante ou depois de jogo oficial.

Artigo 189.º Ofensas corporais graves nos limites exteriores do complexo desportivo
1.
Sem prejuízo do disposto nos artigos anteriores, o clube cujo sócio ou simpatizante agrida fisicamente pessoa presente dentro dos limites exteriores ao complexo desportivo no exercício de funções relacionadas direta ou indiretamente com a ocorrência do jogo, antes, durante ou depois da realização do jogo, forma a causar de lesão de especial gravidade ou, caso não determine lesão ou doença grave, tenha sido realizada por meio especialmente perigoso suscetível de as determinar é sancionado com a sanção de realização de jogos à porta fechada a fixar entre 1 e 3 jogos, e, acessoriamente, com sanção de multa a fixar entre 5 e 15 UC.

 

Futsal Porto Distrital

Copyright © 2016. All Rights Reserved.